O técnico Julen Lopetegui anunciou nesta segunda-feira a lista de 23 convocados da Espanha para a Copa do Mundo da Rússia, que começa no próximo dia 14 de junho, e trouxe como principal surpresa a ausência do atacante Álvaro Morata, do Chelsea.

O treinador optou por deixar o jogador fora do grupo de escolhidos para o Mundial, sendo que chamou os brasileiros naturalizados espanhóis Diego Costa, do Atlético de Madrid), e Rodrigo Moreno, do Valencia, entre os cinco homens de frente listados pelo comandante.

Ao justificar a não convocação de Morata, Lopetegui afirmou que o atleta teve “uma temporada complexa” com a camisa do Chelsea, pelo qual não jogou o esperado pelo comandante, e destacou que os outros atacantes listados “o convenceram mais” que mereceram estar na Copa do Mundo.

Além de Diego Costa e Rodrigo, Marco Asensio, Lucas Vázquez e Isco Alarcón, todos do Real Madrid, foram os três atletas chamados como atacantes na lista divulgada nesta segunda-feira. “São momentos difíceis, especialmente para o jogador que fica fora. Sou consciente do que significa fica fora do Mundial, mas ainda que se ponha o foco nele, há outro que entra”, lembrou o treinador.

No mais, Lopetegui trouxe como outra principal novidade entre os convocados o lateral-esquerdo Nacho Monreal, do Arsenal, enquanto Marcos Alonso e Marc Bartra foram outros jogadores que poderiam ter entrado na lista e não foram chamados.

“Levamos um time que consideramos o melhor e, partir daqui, teremos que tentar ganhar o Mundial”, disse o técnico, reconhecendo também que há outros jogadores, entre os quais o próprio Morata, que “mereciam estar aqui e não vão estar” pelo fato de que apenas 23 jogadores podem ser convocados.

Morata, por sua vez, exibiu conformismo com o fato de ter ficado fora da lista ao escrever em sua página no Twitter a seguinte mensagem: “Muitíssima sorte no Mundial. Desde já estarei apoiando e animando até o final como sempre!!!”.

A Espanha vai abrir a sua campanha na Copa no dia 15 de junho, contra Portugal, em Sochi, em jogo válido pelo Grupo B, no qual ainda terá pela frente Marrocos e Irã. Antes da competição, os espanhóis farão amistosos contra Suíça e Tunísia, respectivamente nos dias 3 e 9 de junho.

Confira a lista de 23 convocados da Espanha:

Goleiros – David De Gea (Manchester United), Pepe Reina (Napoli) e Kepa Arrizabalaga (Athletic Bilbao).

Defensores – Jordi Alba (Barcelona), Cesar Azpilicueta (Chelsea), Nacho Monreal (Arsenal), Dani Carvajal (Real Madrid), Nacho Fernandez (Real Madrid), Gerard Piqué (Barcelona), Sergio Ramos (Real Madrid) e Alvaro Odriozola (Real Sociedad).

Meio-campistas – Thiago Alcântara (Bayern de Munique), Sergio Busquets (Barcelona),
Andrés Iniesta (Barcelona), Jorge “Koke” Resurrección (Atlético de Madrid), Saul Niguez (Atlético de Madrid), Iago Aspas (Celta) e David Silva (Manchester City).

Atacantes – Isco Alarcón (Real Madrid), Marco Asensio (Real Madrid), Lucas Vázquez (Real Madrid), Diego Costa (Atlético de Madrid) e Rodrigo Moreno (Valencia).

Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *