O tenista brasileiro Bruno Soares não teve uma boa estreia no Masters 1000 de Paris, na França. Nesta quarta-feira, ele e o britânico Jamie Murray foram eliminados logo na primeira rodada com a derrota para a dupla formada pelo espanhol Marcel Granollers e do norte-americano Rajeev Ram, por duplo 6/3, e se despediram precocemente da competição, a última antes do ATP Finals – competição que fecha a temporada em Londres, a partir do próximo dia 11.

A fase de Bruno Soares no circuito profissional não é das melhores. Esta foi a segunda eliminação consecutiva em estreias, pois na semana passada caiu na primeira rodada do ATP 500 de Viena, na Áustria. Na temporada, o brasileiro e Murray venceram 37 jogos e perderam 18. Eles conquistaram os títulos do Masters 1000 de Cincinnati e dos ATP 500 de Washington e Acapulco (México).

Atuais campeões do Masters 1000 de Paris, o brasileiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot estreiam nesta quinta-feira. Eles enfrentam a parceria formada pelo paquistanês Aisam-Ul-Haq Qureshi com o grego Stefanos Tsitsipas. Em caso de vitória, podem enfrentar Rajeev Ram e Marcel Granollers já na rodada seguinte.

“Eu e o Lukasz temos jogado muito bem, com confiança e, agora, é colocar isso aqui para Paris. Vamos passo a passo. Acho que voltamos a jogar o nosso nível. Então é seguir firme e manter o foco”, afirmou Marcelo Melo.

SIMPLES – Com três vagas em disputa para o ATP Finals, uma derrota em Paris pode significar o fim do sonho de disputar o torneio em Londres, que já tem quatro garantidos: o espanhol Rafael Nadal, o sérvio Novak Djokovic, o suíço Roger Federer, o alemão Alexander Zverev e o sul-africano Kevin Anderson. Nesta quarta-feira, o austríaco Dominic Thiem não quis dar chance ao azar e venceu em sua estreia. Fez 6/4 e 6/2 no francês Gilles Simon para avançar às oitavas de final.

O seu próximo adversário será o croata Borna Coric, que também estreou nesta quarta-feira. O tenista da Croácia passou pelo russo Daniil Medvedev com duplo 6/4. Thiem lidera o histórico entre eles por 2 a 1, mas as duas vitórias do austríaco foram conquistadas em quadras de saibro.

Vindo do título em Viena, o sul-africano Kevin Anderson conquistou nesta quarta-feira a sua sexta vitória seguida no circuito profissional. O número 6 do mundo venceu o georgiano Nikoloz Basilashvili por 2 sets a 1 – com parciais de 6/3, 6/7 (3/7) e 7/6 (7/3), em 2 horas e 15 minutos.

Anderson enfrentará nas oitavas de final o japonês Kei Nishikori, número 11 do mundo, que bateu o francês Adrian Mannarino por 2 sets a 0 – parciais de 7/5 e 6/4. Os dois duelarão apenas quatro dias depois de protagonizarem a final na capital austríaca.

Atual campeão em Paris, o norte-americano venceu mais uma nesta quarta-feira. O norte-americano venceu o francês Richard Gasquet por duplo 6/3 e vai enfrentar o “lucky loser” tunisiano Malek Jaziri, substituto de Nadal na chave, que venceu o espanhol Fernando Verdasco por 7/6 (7/5), 1/6 e 6/3.

Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *