caminhão granitoCom o objetivo de reduzir o número de acidentes de trânsito nas rodovias que cortam o Espírito Santo, o Governo do Estado firmou um acordo para iniciar estudos e pesquisas aplicadas sobre acidentes de trânsito e suas causas no Espírito Santo. O documento foi assinado durante a abertura do Seminário para o Setor de Rochas, promovido pelo Sindirochas, ocorrido na manhã desta quinta-feira (22).

Na ocasião, o governador Paulo Hartung relembrou os trágicos acidentes ocorridos recentemente na BR 101, como o que envolveu um ônibus e um grupo musical de Domingos Martins. Ele afirmou que o Estado, autoridades competentes e o setor produtivo estão juntos na busca por soluções que garantam mais segurança no transporte de rochas e ressaltou a importância do programa de monitoramento logístico.

“O Governo do Estado, o Ministério Público Estadual, a Polícia Rodoviária Federal e representantes do setor de rochas ornamentais vêm discutindo medidas e procurando experiências positivas pelo país. Encontramos em Santa Catarina uma boa experiência para que possamos ter o controle e garantir segurança no transporte de rochas e para quem usa as rodovias estaduais e federais. Estamos dando um passo importantíssimo”, afirmou Paulo Hartung.

Segundo o diretor-geral do Detran/ES, Romeu Scheibe Neto, o monitoramento logístico permitirá ao Estado transformar o cenário da acidentalidade com o segmento de rochas ornamentais desenvolvendo um projeto customizado à realidade do Espírito Santo. “A elaboração desses estudos e de um Observatório permitirá melhor diálogo com todas as áreas responsáveis pela logística viária. Desta forma poderemos prover aos órgãos fiscalizadores do trânsito informações qualificadas para melhor atuação e defesa da vida e assim facilitar para quem está certo e dificultar para quem está errado, o que acredito que possibilitará a redução de acidentalidade”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *