Lucas Rezende

Lucas Rezende é jornalista e titular da Coluna Fonte Grande, publicada de segunda à sexta. Notas e sugestões: fontegrande@eshoje.com.br

O PSOL capixaba vai tentar sua primeira cadeira feminina na Assembleia Legislativa com Camila Valadão, que está morando em Cuba. Para tanto, a meta da futura candidata é conseguir um caixa de R$ 14 mil. A nível de comparação, para se ter ideia, é menos que um deputado atualmente em mandato na Assembleia fatura por mês do dinheiro do contribuinte. Até agora a moça conseguiu que sete pessoas doassem, juntas, pouco mais de R$ 1 mil por meio de financiamento coletivo virtual. O mais generoso desembolsou, por boleto, R$ 500. Camila se apresenta como assistente social, professora, feminista, negra e militante do PSOL na defesa dos direitos humanos, das mulheres e da negritude. Em 2016, bom lembrar, foi a quinta candidata a vereadora mais votada de Vitória, mas não eleita pela legenda eleitoral.

A companheira
Camila não disputará o voto dos simpatizantes da extrema esquerda sozinha. A advogada Brice Bragato, que já ocupou aquele plenário quando era um dos quadros do PT por três mandatos, também vai tentar a sorte nas urnas.

Porta da esperança
Abriu em Vitória um escritório especializado em financiamento coletivo virtual. Com o fim da doação de empresas à campanhas, o cascalho deve vir daí.

Relembrar é viver
Voltou a circular na internet vídeo em que o capitão extremista Jair Bolsonaro (PSC-RJ) bateu boca com um estudante durante uma audiência pública realizada no Clube dos Oficiais da Polícia Militar, em Vitória. É que no momento das perguntas ao parlamentar, o jovem questionou a ausência de negros no evento e se Bolsonaro não temia associar sua imagem com a PM, apontada como a responsável pela Chacina da Candelária.

Segue a história
Bolsonaro se exaltou, mandou o estudante calar a boca, o deputado Manato também interveio brigando com o menino, além de um segurança. Tudo aos gritos de “mito!, mito!”. Foi em 2016.

Lá vem ela
Internamente o PT começou a cogitar que Dilma Rousseff dispute novamente a presidência. O desastre do MDB no governo reacendeu o raciocínio de uma parcela da população de que, na verdade, agora está pior que antes. O sucesso de Dilma nas redes sociais também é grande, com memes, imitações de humoristas e certo deboche da própria que, dia desses, enquanto o Brasil agonizava por gasolina, repostou vídeo andando de bicicleta no Planalto.

Doce bárbaro dos trópicos
Apesar de sua mulher simpatizar com Guilherme Boulos, Caetano Veloso votará em Ciro Gomes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *