Número 2 do Partido Republicano na Câmara dos Representantes, Kevin McCarthy afirmou nesta quinta-feira que uma eventual paralisação do governo seria “estúpida”, mas talvez inevitável se os democratas não aceitarem apoiar a proposta do presidente Donald Trump de construir um muro na fronteira com o México.

Mesmo se os republicanos conseguirem votos na Câmara para aprovar o muro, a iniciativa provavelmente fracassaria no Senado, afirmou McCarthy. Líder da maioria na Câmara, ele lembrou que os democratas no Senado prometem bloquear a lei, impedindo que ela receba os 60 votos necessários dos senadores. Apesar de dizer que a paralisação parcial (“shutdown”) do governo seria algo “estúpido”, o deputado não ofereceu alternativa imediata, antes do prazo de 21 de dezembro.

O presidente Donald Trump afirmou nesta semana que ficaria “orgulhoso de paralisar o governo” em nome da segurança fronteiriça. Caso não saia um acordo até dia 21, cerca de um quarto do governo será afetado, incluindo os departamentos de Segurança Interna, Transportes, Agricultura, Estado e Justiça, bem como os parques nacionais. Fonte: Dow Jones Newswires.

Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *