Dólar Em alta
5,261
16 de abril de 2024
terça-feira, 16 de abril de 2024

Max Filho testa até onde pode lutar nas eleições de Vila Velha

Max Filho, ex-prefeito de Vila Velha, acumulou algumas perdas recentes no município canela-verde. A primeira, em 2020, foi a derrota no segundo turno para Arnaldinho Borgo (Podemos), quando buscava a reeleição. E a mais recente, a quantidade de votos obtida na cidade para deputado federal, que nem foi suficiente para o deixar perto de ser suplente.

Ainda que haja esses infortúnios, o tucano não é carta fora do baralho no processo eleitoral de Vila Velha. Com a intervenção nacional do PSDB, a sigla ficou nas mãos do grupo de Max e, então, o ex-prefeito tem em seu aliado Maurício Gorza, ex-vice da cidade, como anteparo para ter noção de como anda seu capital político.

Em 2022, Max obteve 10.225 votos na cidade canela-verde. Para efeitos de comparação, Dr. Victor Linhalis (Podemos), catapultado por Arnaldinho Borgo, conquistou 41.853. É uma diferença considerável e que necessita de estratégias num colégio eleitoral tão problemático e que não costuma ser lá tão fiel com os gestores, conforme os últimos sufrágios nos lembram.

Os desafios também não são poucos para o ex-prefeito e seu grupo. Internamente, Max convive com os cuidados do pai, o ex-governador Max Mauro, cuja saúde está mais debilitada. Externamente falando, estar sem mandato é sempre um complicador a qualquer um que busca lugar ao Sol no páreo.

Obviamente, ele e seu grupo são conhecidos do público canela-verde. Isso é positivo, pelo recall, mas negativo, pelas broncas porventura acumuladas. Além disso, há alguns elementos a serem também considerados.

Arnaldinho deverá vir com o apoio do Palácio Anchieta, logo, a probabilidade de que a chapa venha pesada é bem grande. De outro lado, o coronel Alexandre Ramalho, que agora veste a camisa do PL, aposta na bandeira do conservadorismo, numa cidade que nos últimos anos se especializou em abraçar a direita.

Claramente, não se pode duvidar de o que Max é capaz de fazer, a começar pela revolução ocorrida a contragosto da direção estadual tucana e vinda a fórceps pela presidência nacional. Assim, um passo já foi bem executado.

Agora, é saber como o grupo Maxista fará para estar competitivo e superar todos os percalços que se aproximam, que não são poucos. E há um elemento até dramático: o pleito servirá de termômetro para definir como está o capital político do ex-prefeito. 2024 será fundamental para solidificar os planos de Max para 2026.

Confusão

Há quem aguarde por mais confusão no ninho do PSDB estadual, principalmente após o diretório canela-verde, por intervenção nacional, ficar com o grupo do ex-prefeito Max Filho. Antes, os tucanos caminhavam para voar ao lado de Arnaldinho Borgo (Podemos) nas eleições.

Juntos

Foto de capa do Diário Oficial de Vila Velha, desta terça-feira (2), estampa o governador do Estado, Renato Casagrande (PSB), e o prefeito de Vila Velha, Arnaldinho Borgo (Podemos), lado a lado na reinauguração do Parque da Prainha. Para bom entendedor, meia palavra basta.

***

Cara, crachá

Nem autoridades que visitam a Assembleia Legislativa estão deixando de passar pelos detectores de metais que ficam com os policiais militares cedidos à instituição.

Projeto e as chuvas

O governo estadual encaminhou projeto de lei que isenta a comprovação de regularidade fiscal junto à Fazenda Estadual por parte de mutuários do Fundo de Fortalecimento da Economia Capixaba (Fortec) e moradores das cidades afetadas pelas enchentes. O objetivo é fomentar novos empreendimentos e manter os existentes.

Promessa

Casagrande prometeu que vai vir reajuste salarial em maio. Categorias, como da segurança pública, já estão de olho no que poderá vir.

Protestos

Falando em segurança pública, tem aumentado o número de protestos de servidores da área. Há insatisfações por todos os cantos.

***

Afastamento

A partir de uma representação por medida cautelar de afastamento de função pública ajuizada pelo Ministério Público Estadual (MPES), por meio da Promotoria de Justiça de Ibitirama, a Justiça determinou, de forma liminar, o imediato afastamento das funções públicas do secretário Municipal de Saúde, pelo prazo de 180 dias. O município de Ibitirama deverá providenciar e comunicar as medidas adotadas para imediato cumprimento, sob pena de configuração de crime de desobediência.

Soprando a velinha

O coordenador da bancada federal capixaba, deputado federal Da Vitória (Progressistas), parabenizou o colega de partido e de Congresso, Evair de Melo, pelo aniversário dele. Pelo visto, o que ambos querem neste ano é triunfo de aliados nas eleições municipais.

***

Remando

Max Filho testa até onde pode lutar nas eleições de Vila Velha

Pré-candidato a vereador de Vitória, Aylton Dadalto (Republicanos) visitou, nesta terça-feira (2), Da Vitória e o presidente da Assembleia Legislativa, Marcelo Santos (Podemos). Articulemos.

***

Fale com a coluna

Nosso e-mail é [email protected].

Na moita

Autoridades ainda seguem investigando um escândalo envolvendo parente de político. E pode dar mais pano para manga.

Tá na rede

“Nós queremos um Estado que seja eficiente, que tenha boas políticas públicas e o CNH Social é um programa que reduz a desigualdade”

Renato Casagrande (PSB), governador do Estado

Você por dentro

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Escolha onde deseja receber nossas notícias em primeira mão e fique por dentro de tudo que está acontecendo!

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas no Poder ESHOJE

Notícias Relacionadas