por Paulo Cesar Dutra

O Sindiupes – Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do ES, através da sua Secretaria de Combate ao Racismo fez hoje (24) pela manhã, no bairro de Jardim da Penha, em Vitória-ES, uma manifestação como repúdio aos atos de racismo e violação do espaço escolar praticados pelo pastor João de Brito, da Igreja Evangélica Batista de Vitória.

O ato do pastor Brito aconteceu no CMEI Professora Cida Barreto, de Jardim da Penha. Ele pediu que de um painel feito por crianças que contém bonecas negras, a boneca Abayomi, de origem africana, fosse retirado da exposição. Segundo os manifestantes, o religioso disse que a boneca é “símbolo de macumba por se originar de uma religião africana”.

Os manifestantes caminharam pelas principais ruas de Jardim da Penha, distribuindo a “Nota Pública de Repúdio”  da entidade, aos moradores do bairro e aqueles que passavam de veículos e depois fizeram um ato público, em frente à Igreja, que o pastor pertence, na rua Saturno Mauro Rangel. Várias entidades utilizaram o microfone para contestar a opinião do pastor.

Eles pediram também uma intervenção imediata da Prefeitura Municipal de Vitória para garantir o retorno dos painéis com as bonecas, para a escola. O painel foi confeccionado por uma professora que dá aulas sobre a cultura do povo africano e também sobre a cultura afro-brasileira. O projeto chama Abayomi e faz parte do programa institucional da escola “Diversidade”, que trata da questão étnica-racial.

Abayomi era uma boneca criada por mães africanas que rasgavam retalhos de suas saias e confeccionavam através de tranças ou nós. As bonecas são símbolo de resistência e serviam para acalentar os filhos durante as viagens em navios de pequeno porte que realizavam o transporte de escravos entre África e Brasil.

O prédio em que a escola funciona pertence à igreja, mas é alugado pela Prefeitura Municipal de Vitória. O espaço onde são expostos os trabalhos dos alunos é de uso compartilhado entre o Cmei e a igreja evangélica.

Lula, Renan e Renan Filho trocam elogios
O senador Renan Calheiros (PMDB-AL) e o governador de Alagoas Renan Filho (PMDB) recepcionaram ontem, dia 23, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na chegada da caravana do petista a Alagoas. Lula e Renan no palanque alagoano esqueceram as mágoas, trocaram elogios e atacaram só o presidente Michel Temer. Lula disse que Renan foi seu aliado durante todo o seu governo. Renan disse que Lula só fez coisas boas para o povo. Não tocaram no assunto da cassação do mandato da Dilma. Renan Filho ao falar, não atacou o presidente, só elogiou o trabalho de Lula no nordeste. O que é Alzheimer: perda de memória! Lula e Renan estão perdendo suas memórias! Devem ser internados já!!!

Saco de pancadas
O deputado estadual Amaro Neto que se cuide, pois agora vai virar saco de pancadas. Tem gente já falando que o combustível dele é muito pouco, para voar tão alto.

Idoso e a CNH
Já se encontra em fase final para ser levado ao plenário do Congresso Nacional para ser aprovado e publicado o Código que dá direito ao motorista idoso com mais de 65 anos, de pagar apenas 50% do valor para renovar a CNH.  Um direito!

Biometria
Suprema Corte da Índia decide que privacidade é um direito intrínseco ao governo em decisão sobre cartões nacionais de identidade.

Com ou sem distritão
A Mesa de apostas da Assembléia Legislativa do Espírito Santo – ALES foi aberta. A pergunta é, quem dos 30 deputados estaduais volta para o mandato a partir de 2019!

Campanha se senador
Quem busca mais votos no interior do Estado, é candidato ao Senado! Alguém duvida!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *