fogo transcol1

Com informações de Esthefany Mesquita

Em menos de 24 horas dois ônibus foram incendiados em Cariacica, um na quinta-feira (10), no bairro Santo Antônio; e nesta sexta (11), no bairro Nova Brasília. Chama atenção a semelhança da abordagem criminosa: o carro utilizado é parecido e os criminosos incendeiam o veículo quando este está parado no ponto final. Uma possibilidade que está sendo investigada pela Secretaria de Segurança Pública Estadual (Sesp) é que a ordem para queimar ônibus tenha saído de presídios.

De acordo com a Polícia Militar do Espírito Santo (PMES), o policiamento continuará intensificado com ações repressivas imediatas e preventivas na região. Os policiais fazem abordagens aos coletivos e carros, além de cerco tático desde quinta (10).   A assessoria da PMES destacou ainda que os suspeitos se aproveitam das oportunidades onde não tem policiamento no momento para cometer crimes.

Serão realizadas reuniões com a comunidade e com os comandantes da PM para discutir novas medidas para essa modalidade de crime que aconteceu dois dias seguidos na região. A Polícia Militar pediu ajuda da população para localizar os criminosos através do Disque-Denúncias 181.

O ônibus incendiado nesta sexta (11) foi por volta das 7h25, no ponto final de Nova Brasília. O coletivo, que fazia a linha 705 (Terminal de Itaciba/Nova Brasília), estava parado no ponto final, quando os bandidos mandaram o motorista e o cobrador descerem do veículo e atearam fogo em seguida.

De acordo com o diretor do Sindicato dos Rodoviários, Wanderson Haase, os rodoviários contaram que os criminosos disseram que não era um assalto. Além disso, avisaram que a ordem teria partido do presídio.

Na quinta (10), o ônibus da linha 787 Terminal de Jardim América-Santo  Antonio também foi incendiado. O veículo estava estacionado no ponto final.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *