O Senado dos Estados Unidos ignorou os apelos do governo do presidente Donald Trump e aprovou uma resolução para retirar apoio americano à coalizão liderada pela Arábia Saudita na guerra no Iêmen, em um revés para a política de Trump no Oriente Médio.

A resolução determina a retirada de apoio militar americano à coalizão saudita que enfrenta militantes houthis, aliados do Irã, no conflito que deixou dezenas de milhares de mortos e levou milhões à beira da fome. Entre outros elementos, a medida proibiria que os EUA reabasteçam aviões sauditas e determinaria a redução da presença do país na região.

O presidente americano tem insistido que a Arábia Saudita é um aliado estratégico vital, mesmo após a morte em outubro do jornalista Jamal Khashoggi, assassinado por agentes sauditas.

Nesta quarta-feira, líderes republicanos na Câmara dos Representantes impediram um esforço que teria levado a um voto similar de uma resolução sobre o Iêmen entre os deputados. Fonte: Dow Jones Newswires.

Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *