A Polícia Federal, através da Delegacia de Repressão aos Crimes contra o Patrimônio e Tráfico de Armas (DELEPAT), deflagrou a segunda fase da Operação Desmonte, cumprindo dois mandados de busca e apreensão no município de Cariacica. A ação aconteceu nesta terça-feira (22), e visou o combate ao tráfico internacional de armas de fogo oriundas dos Estados Unidos para a Grande Vitória que tinha o intuito de fortalecer grupo criminoso envolvido no tráfico de entorpecentes no Espírito Santo.

De acordo com o delegado Lorenzo Espósito, responsável pela operação, as buscas foram realizadas na casa de dois suspeitos de participação na quadrilha que receberiam o material bélico interceptado anteriormente pela Receita Federal no Aeroporto de Viracopos, na cidade paulista de Campinas, em 2016. “Apreendemos documentos, celulares, computadores, itens relacionados à facção e à comercialização das armas”, explicou Lorenzo. Espósito disse ainda que um dos mandados foi cumprido na casa do suposto chefe da organização.

Foram detectadas diversas remessas de peças e acessórios de fuzis encaminhadas junto com produtos lícitos como andadores, peças de motocicletas, churrasqueiras, barracas de camping, a fim de dissimular seu conteúdo. Nos locais de cumprimento das buscas foram apreendidos materiais de interesse à investigação, a qual continua em andamento com o objetivo de responsabilizar toda a organização criminosa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *