policia militarUma mulher e filho dela, que estavam sendo mantidos em cárcere privado por um casal no bairro Ourimar, na Serra, foram liberados pela polícia militar. Os suspeitos pelo crime estão presos.

Segundo a PM, mãe e filho ficaram sob poder dos criminosos por cerca de 20 dias. Tudo teria começado após os suspeitos fazerem negócios com a vítima. A partir dai, eles usaram de artimanhas para conquistar a confiança dela.

De acordo com a PM, os criminosos usaram o nome da vítima para cometer golpes na região, inclusive na compra de veículos.

A PM foi acionada pelo Centro Integrado de Operações de Defesa Social (Ciodes) para verificar uma denúncia de familiares, que não conseguiam contato com a vítima.

Durante as buscas no local, no último domingo (20), foram encontrados uma pistola (airsoft) sem marca e uma balaclava. Os criminosos, as vítimas e os materiais apreendidos foram encaminhados para a delegacia do município de Serra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *