WhatsApp Image 2018-06-12 at 17.28.42O Governador Paulo Hartung anunciou na tarde desta terça-feira (12), um novo investimento para construção e reforma de creches em 15 municípios do interior do Espírito Santo através do Pacto pela Aprendizagem no Espírito Santo (Paes). Serão R$ 18 milhões para abertura de mais 1.200 novas vagas, em 17 creches que serão construídas ou reformadas.

Por meio da Secretaria de Estado da Educação (Sedu), o Governo do Estado escolheu mais municípios, daqueles que já aderiram ao Paes para o repasse financeiro. Dos 15 municípios atendidos, 10 serão com novas creches, criando assim mais vagas na rede de educação infantil.

Os investimentos são focados também na melhoria das creches já existentes, para alocar no sistema educacional as crianças de zero a três anos. Segundo o secretário de educação Haroldo Rocha,  é possível que o valor investido ainda aumente, depois da análise das propostas municipais apresentadas. “Nós vamos estudar agora, o governador já confirmou isso, a possibilidade de colocar um pouco mais de recursos do tesouro e a secretaria de educação trabalha com muita dedicação com o Banco Interamericano de Desenvolvimento” destaca Haroldo.

Os 15 municípios contemplados são: Alegre, Alto Rio Novo, Atílio Vivácqua, Brejetuba, Colatina, Conceição do Castelo, Ibitirama, Irupi, Laranja da Terra, Mantenópolis, Muniz Freire, Muqui, Pedro Canário, Santa Leopoldina e Vila Pavão. Com os anteriores já beneficiados, somam-se 40 municípios apoiados pelo Paes.

Para o prefeito do município de Vila Pavão Irineu Wutkp onde uma creche será ampliada e reformada, esse repasse representa uma oportunidade de melhor atender os munícipes. “Isso traz um maior benefício que é uma qualidade de atendimento. Nós temos o objetivo com essa ampliação de fazer com que essas crianças possam ser melhor atendidas com a área de salas de aula e equipamentos que serão construídos no entorno” relata o prefeito.

A iniciativa visa beneficiar municípios em que até o momento tinha crianças que estavam fora das creches. Situação que segundo o Governador Paulo Hartung, seria solucionada pela implantação do PAES e seu regime de colaboração entre o estado e os municípios já  associados.

“O regime de colaboração devagarzinho vai fazer uma coisa que eu já estou falando nela. Ao invés da gente ter uma rede estadual e mais 78 redes municipais, nos vamos ter uma grande rede de educação pública no estado do Espírito Santo, cuidando da educação infantil, do fundamental 1, do fundamental 2 e do ensino médio. É  uma revolução”, destaca Hartung

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *