Três funcionários morreram durante a explosão da caldeira de uma indústria química, na manhã desta terça-feira, 9, em Charqueada, no interior de São Paulo.

Um quarto trabalhador sofreu ferimentos e foi hospitalizado. O acidente aconteceu no reator de refinamento de óleo de soja da indústria Biocapital, localizada na Avenida Industrial, na confluência com a Rodovia Hermínio Peltrim (SP-308). A explosão fez tremer as casas e assustou moradores vizinhos. A unidade precisou ser evacuada e a área da caldeira foi interditada.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a maioria dos 60 funcionários estava numa reunião de trabalho no momento da explosão, o que evitou um número maior de vítimas. Os bombeiros foram acionados rapidamente e isolaram o local.

A unidade de suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada, mas não conseguiu reanimar as vítimas, atingidas por estilhaços e material escaldante resultantes da explosão. Morreram no local Higor Barros da Silva, de 20 anos, Luis Gustavo dos Santos, 31, e Claudio Bozzo Junior, 30. Os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Piracicaba.

O ferido, Cleber da Cruz Bernardino, de 34 anos, continua internado no Hospital Beneficente de Charqueada. Houve vazamento de produto químico e a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) enviou equipe ao local. Em nota, a Cetesb informou que uma equipe técnica da Agência Ambiental de Piracicaba estava no local e aguardava a liberação da área pelos bombeiros para fazer a vistoria.

A Polícia Civil abriu inquérito para apurar as causas da explosão. A direção da Biocapital informou que dava todo suporte ao trabalho dos bombeiros, das equipes de saúde e às famílias das vítimas, e vai aguardar a perícia sobre as causas do acidente.

Fundada em 2005, a para produzir combustíveis e produtos químicos a partir de fontes renováveis, a Biocapital entrou no mercado de biodiesel em 2007.

José Maria Tomazela
Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *