O neozelandês Scott Dixon conquistou neste sábado a etapa de Detroit da Fórmula Indy e festejou a sua primeira vitória nesta temporada da categoria norte-americana. O piloto da Chip Ganassi triunfou na corrida 1 da rodada dupla do final de semana que será completada com uma nova prova neste domingo, com largada às 16h30 (de Brasília).

O veterano Dixon, que vive a sua 18ª temporada na Indy, obteve a sua 42ª vitória na carreira e se igualou a Michael Andretti como terceiro maior vencedor da história da Indy. Agora, ele só está atrás do recordista AJ Foyt, que subiu por 67 vezes ao topo do pódio, e de Mario Andretti (52).

Curiosamente, quem largou na pole desta primeira corrida do final de semana em Detroit foi Marco Andretti, filho de Mario, que terminou em quarto lugar pela equipe que leva o seu famoso sobrenome no automobilismo.

Na prova deste sábado, Dixon partiu do segundo lugar do grid e assumiu a liderança na 23ª volta, na qual Marco parou nos boxes para fazer um pit stop. E o neozelandês liderou 39 das 70 voltas da corrida realizada neste circuito que conta com 14 curvas. Anteriormente, ele também venceu a corrida disputada na mesma pista em 2012.

A segunda posição da prova deste sábado foi conquistada pelo norte-americano Ryan Hunter-Reay, da Andretti, que cruzou a linha de chegada 1,8s depois do líder. E o pódio foi completado pelo seu compatriota e parceiro de equipe Alexander Rossi.

O japonês Takuma Sato (Rahal Letterman), o inglês Ed Jones (Chip Ganassi), o australiano Will Power (Penske), o canadense Robert Wickens (Schmidt Peterson) e os norte-americanos Josef Newgarden (Penske) e Spencer Pigot (Carpenter) completaram, nesta ordem, os dez primeiros colocados desta primeira prova em Detroit.

Com o terceiro lugar conquistado neste sábado, Rossi assumiu a liderança da classificação geral do campeonato, com 276 pontos, apenas quatro à frente de Dixon, o novo segundo colocado. Will Power, que no último domingo ganhou pela primeira vez na carreira as cobiçadas 500 Milhas de Indianápolis, ocupa a terceira posição no campeonato, com 269 pontos.

BRASILEIROS – Os pilotos brasileiros que participaram desta primeira prova em Detroit terminaram a disputa muito próximos, com Tony Kanaan fechando em 14º lugar e Matheus Leist, seu companheiro de equipe Foyt, em 15º. O veterano Kanaan também é o 14º colocado do campeonato, com 122 pontos, enquanto Matheus é o 19º, com 109.

Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *