Depois de passar sete anos na prisão, o grafiteiro Vinicius Torneri, 28, ganhou uma chance para ingressar no mercado de trabalho e retomar a vida. Para além das grades, Vinicius agora está sendo contratado como auxiliar de serviços gerais pela Defensoria Pública do Espírito Santo (DPES).

Torneri foi contratado por um mês antes de conquistar o alvará de soltura, de acordo com o comportamento. Hoje, com a conquista, permanecerá na Defensoria Pública com emprego fixo em regime terceirizado. Livre desde o último dia 29 de novembro deste ano, tem o apoio e incentivo de todos que acompanharam sua trajetória em que pôde rever os conceitos e valorizar as boas oportunidades.

O artista, que grafitou a parede da sala da Defensoria Pública recém-inaugurada dentro do prédio do Tribunal de Justiça do Estado (TJ-ES) aplicando a logomarca da Instituição de forma bem estilizada, é o primeiro beneficiado pelo projeto Além das Grades, em parceria com a Secretaria de Estado de Justiça (Sejus). Seu objetivo é demonstrar que a Defensoria Pública tem um papel muito além do processo e da atuação na unidade prisional, principalmente dentro da execução penal.

Segundo a coordenadora de Execução Penal, Roberta Ferraz, o Projeto dá oportunidade aos internos de garantirem experiência de trabalho antes de voltarem ao mercado. “Com nossa atuação, nós buscamos tentar trazer a pessoa que está cumprindo pena, aos poucos, para a sociedade”, explica a Defensora Pública.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *