Foto: Divulgação/ PMV
Foto: Divulgação/ PMV

O Espírito Santo e outros estados brasileiros inspiraram as agremiações filiadas a Federação Capixaba das Escolas de Samba (FECAPES). Elas vão abrir o desfile das escolas de samba de 2019 e prometem encantar o público do Sambão do Povo. As escolas Mocidade Serrana, Mocidade da Praia, União Jovem de Itacibá e Independente de Eucalipto formam o grupo B do carnaval capixaba, e cruzam o sambódromo levando a cultura e a tradição de cada região. A representante da Serra, por exemplo, vai falar do Estado, enaltecendo o seu município.

Depois de 26 anos fora do evento, a Mocidade Serrana será a primeira a desfilar e leva o enredo “Skindô Yá Yá Skindô Yô Yô! A Serra canta sua cultura popular”. De acordo com Anderson Lamborghini, membro da comissão de carnaval da escola, toda a riqueza da cultura da Serra e suas tradições serão representadas na avenida.

“Estamos trabalhando a todo vapor para voltar esse ano. Nós queremos nos destacar com tranquilidade e simplicidade, sem querer tomar o espaço de ninguém, com humildade acima de tudo”, afirma. A Mocidade Serrana pretende levar um carro alegórico e pelo menos dois tripés. Quem quiser desfilar na agremiação os ensaios serão abertos a partir da última semana de janeiro, na Praça Barbosa Leão no centro da Serra.

Para complementar a cultura capixaba, a Mocidade da Praia entra em seguida levando o enredo “Reza a lenda, surge a noite… Tem sonhos e delírios pelo ar!”. Segundo Luciano Pires, presidente da escola, o tema foi inspirado em uma lenda dos povos indígenas capixabas. “Com trabalho bem organizado, valorizando os quesitos, com um bom samba enredo e muita criatividade nas fantasias, esperamos nos destacar”, garante. A Mocidade da Praia vai entrar com 12 alas e 650 componentes. Quem se interessar em participar do desfile, as fantasias terão o custo de 80 reais.

Rio e nordeste
Inspiradas em outras regiões do Brasil, as escolas fecham a primeira noite do desfile levando culturas nacionais. A União Jovem de Itacibá faz uma homenagem ao Rio de Janeiro exaltando as belezas da cidade com o enredo “Rio de Maravilha, de janeiro a janeiro, beleza o ano inteiro”.

O vice-presidente da escola, o Mestre Picolé contou que a agremiação de Cariacica promete inovar. Ele lamenta as dificuldades nos preparativos. “Como reiniciamos as apresentações da escola no ano passado, após um período longe dos desfiles, nós encontramos pouco apoio, o que dificulta nosso trabalho”, desabafou.

Já a Independente de Eucalipto fecha a noite do grupo filiado a Fecapes com o enredo “Padre Cícero Romão, o padim do Nordeste”, para homenagear o santo padroeiro do nordeste brasileiro. A agremiação terá 15 alas e 600 componentes, com um carro alegórico e um tripé.

O presidente da agremiação, Nuno Bahia, é otimista. “A maior dificuldade é a falta de dinheiro, o pouco recurso que a escola tem, porém a vontade de trabalhar é grande e faz valer a pena todo o esforço”, garante. Para quem quiser participar, os ensaios acontecem toda sexta-feira às 21 horas na Praça Maruípe e todo domingo às 17h no centro comum de Tabuazeiro.

por Ana Luiza Andrade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *