O deputado João Campos (PRB-GO) elogiou a indicação pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, de Damares Alves para o ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos por considerar que ela tem experiência na área. O parlamentar é um dos cotados para disputar o comando da Câmara dos Deputados no ano que vem. Ele conta com apoio de parte da bancada evangélica.

“Fiquei muito feliz com a confirmação. Ela é muito preparada, qualificada, de espírito público”, afirmou o deputado de quem Damares já foi, inclusive, chefe de gabinete. Segundo Campos, a futura ministra é mãe adotiva de uma indígena e dá palestrar sobre o tema pela País.

Damares foi indicada nesta tarde pelo futuro ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni. Ela é assessora lotada no gabinete do senador e candidato derrotado à reeleição Magno Malta (PR-ES), um dos políticos mais próximos de Bolsonaro na campanha, mas preterido pelo futuro mandatário na composição de seu governo.

Mariana Haubert
Estadao Conteudo
Copyright © 2018 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *