{'nm_midia_inter_thumb1':'http://www.eshoje.jor.br/_midias/jpg/2017/02/09/70x70/1_barata1-216758.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'589cba9ee8c3a', 'cd_midia':216759, 'ds_midia_link': 'http://www.eshoje.jor.br/_midias/jpg/2017/02/09/465x200/barata1_min_cbacab-216758.jpg', 'ds_midia': '', 'ds_midia_credi': 'divulgação', 'ds_midia_titlo': '', 'cd_tetag': '3', 'cd_midia_w': '465', 'cd_midia_h': '199', 'align': 'Left'}Uma barata entrou pelo nariz de uma indiana durante a noite, foi parar na cabeça. Sentindo que algo estava errado, a mulher procurou um médico. As informações são do jornal Folha de São Paulo.
Após limparem o nariz dela em uma clínica, a mulher foi liberada para voltar para casa. O incomodo continuou e ela procurou um especialista, que examinou as vias nasais com um endoscópio e revelou a verdade desagradável: uma barata viva.
“Vi pequenas patas se movimento”, disse M.N. Shankar, otorrinolaringologista do hospital da Universidade Stanlet de Chennai.
“Olhei mais de perto e a quase cinco centímetros da ponta do nariz vi algo incomum. Percebi que estava observando a parte de trás de uma barata”. Shankar explicou que o inseto entrou profundamente pelo nariz, até quase a base do crânio, e permanecia vivo quase 12 horas depois.
A barata foi retirada intacta com um instrumento de sucção, viva e mexendo as patas. Ele nunca viu algo parecido. A mulher ficou perplexa e envergonha com o acontecimento. Ela passa bem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *