Marina Zanchetta

Marina Zanchetta é pedagoga, poetisa e compositora de samba enredo. Amante do carnaval, participou como foliã, integrante de harmonia, ala coreografada, ala de baianas, além de voluntária em barracão de fantasias e carros alegóricos. Atualmente é Mestre de Cerimônia de casais de mestre-sala e porta-bandeira.

Danilo Cezar pega no samba1
Olá amantes do carnaval! Dia 03 de fevereiro no desfile do grupo especial ouviremos muitas vozes. Serão torcidas animadas, comentaristas de TV, foliões apaixonados… Entretanto, algumas vozes irão se destacar. São as vozes dos intérpretes das escolas de samba. O que podemos esperar desses grandes cantores? O que eles vêm trazendo no chamado carro de som?

Para defender o samba-enredo de sua agremiação os intérpretes principais das escolas de samba não medem esforços. Alguns contam com a técnica de professores de canto e fonoaudiólogos para cuidar da voz. Mas a tradição dos antigos e grandes intérpretes também guia o coração dos que estão atualmente se preparando para o desfile. Em período de muito trabalho nas escolas do grupo especial estão: Xumbrega da Boa Vista, Thiago Brito da MUG, Kleber Simpatia da Piedade, Ricardinho de Oliveira da Jucutuquara, Lauro Campos da Andaraí, Celso Junior da Novo Império e Danilo Cezar do Pega no Samba.

Lauro Campos AndaraíE a voz da experiência conta muito quando conversamos com Lauro Campos que tem 36 anos de avenida e se prepara com aulas de canto com o professor Eduardo Santa Clara e exercícios vocais regularmente. Lauro nos revela que podemos esperar dele e de sua equipe: ousadia, dedicação e inovação. Arrisco-me a dizer que essa inovação possa ter algo ligado com as potentes vozes femininas do grupo. Bruna Medeiro e Roberta Matos deram um show de afinação no ensaio técnico!

A Unidos da Piedade vem com intérprete novo na casa. Não tão novo assim, pois Kleber Simpatia completará 15 anos de desfile como intérprete oficial. Mas essa é a primeira vez que defende um samba na Mais Querida. Com algumas aulas de canto no currículo, ele se firma em Deus para cantar com o coração.

Foto: Divulgação

Kleber diz que: “o público pode esperar de mim e de meu grupo, muita energia positiva, empenho e principalmente respeito ao pavilhão e toda comunidade e torcedores da unidos da Piedade. Ao público do sambão do povo eu peço cantem, cantem muito com a gente. Pra não dizer que não falei das flores. E que nosso bondoso Deus nos guie como sempre tem feito amém.

Thiago Brito da Mocidade Unida da Glória confessa ter feito algumas mudanças no grupo musical que o acompanha. E disse que: “Fiz um trabalho de sustentação do samba com o grupo aonde eles (grupo musical) irão sustentar o canto pra eu vir livre desenhando e brincando com o samba! Iremos fazer um desfile bem animado com integração total com a bateria, vamos fazer do nosso desfile um verdadeiro baile de carnaval!”

A preparação de Thiago é feita o ano inteiro com a fonoaudióloga Tamires  Arkbat e sua formação em canto foi realizada com a professora Elaine Rowena. Após muitos anos como intérprete de apoio, ele vai para o 7º ano sendo o microfone nº1 da escola e demonstra estar mais do que preparado tecnicamente para defender os amores do samba da MUG.

O músico multi-instrumentista Celso Junior em seu segundo ano como intérprete oficial na Novo Império apresenta seu grupo musical como “equipe é formada por pessoas jovens, bem determinadas e cheia de ideias, então, estamos trabalhando nas divisões das vozes em cima da melodia junto com as cordas, criando em alguns momentos uma espécie de coral.” O time conta com Alexandre Vicente que estava sumido dos palcos do carnaval capixaba e um samba que carregou uma multidão animada no ensaio técnico.

O público pode esperar um desfile com muita animação, empolgação, garra e muita emoção que são as marcas da Novo Império. Como a orquestra é sempre bem criativa, estamos preparando algumas surpresas envolvendo o carro de som e a bateria também para o nosso desfile.” Com essa afirmação Celso Junior nos deixa curiosos para conferir quais serão essas surpresas!

Na Unidos de Jucutuquara também tem novidade com a estreia de Ricardinho de Oliveira cantado na coruja. A Boa Vista mescla a experiência de Emerson Xumbrega intérprete oficial e a potente voz de Arthur Kadratz como apoio. E no Pega no Samba o “Carro do Axé” de Danilo Cezar promete agitar o Sambão do Povo mais uma vez.

Antes de finalizar esse post não posso deixar de homenagear aqueles que dão base para as vozes. Quero parabenizar os músicos que com cavaco e violão compõem esses grupos de profissionais e amantes do carnaval capixaba. E vou citar o nome de Vinicius Moraes, o violão que com seu dom colabora com diversas agremiações, assim como muitos outros talentosos artistas. Tenho certeza de que esse nome representa com competência todos os outros.

E aí?! Ouviu? Ainda não? Essas vozes vão brilhar ainda mais no carnaval capixaba. Mas antes de ir para avenida folião é importante cantar o samba-enredo junto a esses grandes intérpretes para tirar nota 10 em harmonia. Adquira seu CD das escolas de samba do grupo especial. E venha juntar a sua voz nessa avenida! Até breve!

Cometários

  1. Sou fã de carteirinha de Kleber, Danilo e Lauro e respeito o trabalho dos demais intérpretes. Mas deixo aqui o meu registro de grata satisfação ao ouvir o Celso Junior na gravação do CD e no ensaio técnico. Parabéns! tem tudo para crescer!

  2. Que honra ser lembrado em meio a tantas feras!
    Carnaval é parte de mim, e faço de todo coração!
    Esse ano ainda tô me arriscando no microfone, e to adorando a experiência hehehe

    1. Vinicius você é um grande musico e desenvolve um trabalho extremamente talentoso! Vamos ver como será essa experiência como interprete!

    1. Wilson obrigada pelo carinho, vc sabe o valor que a nossa voz tem em nosso trabalho. E esses profissionais merecem ter esse reconhecimento. Agradeço sempre ao ES Hoje a oportunidade de mostrar nosso carnaval!

    1. Obrigada pelo carinho Sérgio. Responsabilidade com o nosso samba, gostei de vc ter usado essa expressão. Tentei ser o mais responsável e correta possivel para valorizar ainda mais o Carnaval.

  3. Parabéns aos Intérpretes e equipes musicais.
    Respeito e admiração ao trabalho de todos que com talento e dedicação desenvolvem belíssimas apresentação nas quadras e mesmo com equipamentos que de som que em alguns casos não ajudam muito, mas sobre tudo na Avenida.
    Sucesso a todos.

    1. Adilson Tibúrcio, grande compositor e também presidente da Associação de moradores de Jucutuquara. Muito bom ter lembrado da dificuldade que esses profissionais tem ao ter que trabalhar com equipamentos de som de baixa qualidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *